terça-feira, 19 de julho de 2016

Hoje era dia de festa...

Era dia do teu 58º aniversário...

Fazes cá muita falta Pai...

Varicela

Pois que lá por casa metade da população está com varicela...
É ver os meus pequeninos cheios de borbulhas e de comichão do raio da doença...
Se há duas semanas estivemos para ir a uma festa da varicela para os pequenos ficarem já imunes a essa doença, e acabamos por não ir, porque apesar de tudo ainda era longe, acabou por não se mostrar necessário, ela estava na creche na sala ao lado...

Agora temos a malta de molho e pronto... Felizmente até agora não têm tido febres muito altas...

sexta-feira, 15 de julho de 2016

E depois de mais de meio ano de ausência resolvi voltar…


Desde a ultima vez algumas coisas mudaram na minha vida, felizmente quase todas para melhor…
 
Lembram-se de ter lido por aqui acerca de minha situação profissional (aqui e aqui? Pois é, quando se diz que “Deus escreve direito sobre linhas tortas” é mesmo verdade…

O que aconteceu é que acabei por ser despedido fruto de uma reestruturação da empresa. Apesar do despedimento me ter deixado muito em baixo, acabou por ser uma coisa boa. Na realidade ia deixar um emprego que detestava, com direito a subsidio de desemprego, o que me deixava mais descansado (financeiramente), e ia poder aproveitar para descansar e assentar as ideias antes de regressar ao mercado de trabalho. Ia também aproveitar para viajar com a minha esposa já que tínhamos uma viagem que nos foi oferecida marcada para o inicio de Maio.

A realidade acabou por ser um bocadinho diferente, já que perspetiva de ficar em casa desempregado me estava a assustar e resolvi começar a selecionar alguns anúncios de emprego que mais me agradavam e responder aos mesmos. Felizmente não precisei procurar muito, já que dessa escolha respondi a 4 anúncios, a 3 fui a entrevista, e no final dessas 3 tive 2 propostas, e ainda tive mais uma proposta de uma empresa onde trabalhei anteriormente.
No final escolhi a empresa que melhor me vendeu o projecto, e lá continuo até hoje. Sendo que eu deixei a anterior empresa a 8 de Abril, e iniciei no novo projecto a 14 de Abril estão a ver o tempo que descansei, não é? Mas ainda bem que assim foi, os poucos dias que estive em casa foi com a certeza que muito brevemente iria regressar ao trabalho, e nem me dei ao trabalho de pedir o subsidio de desemprego.
Neste momento estou num novo emprego que estou a adorar, com uma equipa excelente, e uma estrutura adequada ao volume de trabalho e onde tudo está bem definido. Perdi algum dinheiro por força dos custos com deslocação, mas sinto-me feliz.

quinta-feira, 14 de julho de 2016

Hoje é o dia...

Em que decido voltar à blogosfera...

Muitas coisas mudaram desde o ultimo post, algumas terei para vos contar, outras nem por isso por serem demasiado intimas, mas nos ultimos tempos tenho sentido falta de escrever, portanto hoje tomei essa decisão...

Ainda não sei se será hoje que sairá tudo o que tenho entalado para Vos contar, mas nos próximos dias espero ser bastante mais assiduo na escrita do que fui nos ultimos tempos.

Não sei se com isso também virão os meus comentários mais assiduos em outros blogues, mas como alguns poderão verificar tenho andado sempre por lá, apesar de não ser tão assiduo...

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Da época natalicia (parte II)

Ora pois que estava previsto este fim-de-semana ir-mos tratar da nossa árvore de Natal, mas uma mudança inesperada de planos trocou-nos as voltas... O falecimento do avô da minha esposa obrigou-me a outros compromissos durante o fim-de-semana para poder acompanhar a família...

Assim, e uma vez que continuamos a querer fazer a árvore de Natal (o falecimento era esperado a qualquer momento, pelo que apesar da dor pretendemos manter as rotinas dentro do que conseguirmos), amanhã vamos ver se conseguimos arranjar um pinheiro para decorar com os nossos pimpolhos...

Também queríamos ir à Vila Natal em Óbidos, mas isso parece-me que será mais complicado, portanto este ano se calhar não vai dar...

Quase 33...

Pois diz que amanhã por esta hora já terei 33 anos de idade...

Estou cada vez mais novo...

E voltamos ao dia...

Que não vejo a hora de arranjar outro emprego e poder mandar este às urtigas, mas as coisas não andam fáceis...